A TIPS 4Y utiliza cookies para melhorar a navegação. Ao fechar esta mensagem aceita a nossa política de cookies. O que são cookies

ACEITAR COOKIES

Telemática e segurança nos dados auto

Tecnologia

Em 2020 estima-se que 98% dos novos carros no mundo serão conectados

Saber Mais

O que é a telemática no automóvel?

 

Os sistemas de telemática permitem que se estabeleça a comunicação à distância entre um objeto tecnológico e uma base de dados, através de uma rede de telecomunicações. No caso de um automóvel permite o envio, receção e armazenamento de dados auto.

 

A telemática evoluiu no setor automóvel e para além da introdução do eCall através de um SIM card instalado de série em veículos novos, que em caso de acidente grave permite comunicar e enviar as coordenadas de localização do veículo para o número de emergência 112, já entrámos na nova era da telemática 4.0 que é a integração entre mobilidade e internet.

 

A telemática 4.0 e a conectividade móvel nos automóveis

 

Nos sistemas de telemática 4.0, o veículo está integrado com o smartphone e utiliza uma ligação web que permite aceder a inúmeras funcionalidades. Em 2015, 35% dos novos carros no mundo já eram conectados, ou seja, tinham ou permitiam uma ligação à internet. Estima-se que em 2020 irão representar 98%.

 

A maioria dos sistemas conecta-se por rede de dados que pode ser fornecida por opção com cartão de dados do utilizador inserido em slot própria no automóvel, sendo que obriga a um contrato e custos. Algumas marcas têm optado por uma ligação à internet  por HotSpot móvel ou Hotspot partilhado pelo Smartphone do utilizador, sendo uma solução menos dispendiosa para ambos, fabricante e utilizador.

 

A partir de agora é possível receber alertas no telemóvel sempre que se aproxima a data da inspeção ou da próxima revisão, localizar via GPS no telemóvel onde estacionou o carro no parque de estacionamento ou monitorizar a utilização do veículo otimizando consumos. Na ótica do conforto pode dar indicação no seu smartphone para ligar o aquecimento do carro antes de sair de casa e em termos de segurança pode confirmar se o carro está trancado. Funcionalidades disponíveis através uma APP no telemóvel como o Car-Net para a VW e o ConnectedDrive na BMW.

 

 Mas há segurança na recolha dos dados auto?

 

A questão da sensibilidade dos dados, nomeadamente dos dados pessoais e de utilização do veículo, é cada vez mais premente. Um automóvel conectado à internet implica ligação à APP da marca através de um registo pessoal e único do proprietário do automóvel, pelo que novos ou anteriores proprietários não partilham dados pessoais ou histórico de dados auto.

 

Assim, quando vende o seu automóvel também não existe o perigo de o novo comprador aceder aos seus dados pessoais e de utilização da viatura, nem do anterior proprietário continuar a aceder aos dados do automóvel, nomeadamente localizar a viatura ou destrancar o carro.

 

 

O carro conectado: segurança e transparência

Tecnologia . 07 jan. 2019

Subscreva o Blog Tips 4Y

Não perca nenhum dos nossos artigos! Subscreva a nossa newsletter e tenha acesso a informação valiosa sobre viagens, dados e tecnologia.

Artigos Relacionados

Carros Autónomos: Inteligência artificial sobre rodas

Graças aos avanços da Inteligência Artificial, os carros autónomos são já uma realidade mais próxima nas ruas das cidades.

Saber Mais

Autorola: A revolução do big data no mercado de carros usados

O big data e a utilização de dados permitiu criar soluções inovadoras que estão a revolucionar a forma como se compram e vendem carros, no mercado de usados.

Saber Mais

Benefícios da Inteligência Artificial no futuro dos negócios auto

O impacto da inteligência artificial no retalho, na manutenção e na reparação, irá alterar profundamente os atuais modelos de negócio. Conheça alguns exemplos concretos.

Saber Mais

subscrever  blog